Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

kernel GNU Linux-Libre 5.6 já está disponível para download

O projeto GNU Linux-libre lançou o kernel GNU Linux-Libre 5.6, pouco depois do lançamento oficial do kernel 5.6. Confira as novidades desse release.

O kernel GNU Linux-libre é um kernel 100% livre e compatível com o sistema operacional GNU e todas as distribuições Linux. Ele remove componentes não livres do kernel oficial do Linux, oferecendo apenas drivers e códigos de código aberto e gratuito.

kernel GNU Linux-Libre 5.6 já está disponível para download

O objetivo do projeto GNU Linux-libre é fornecer à comunidade Linux uma versão do kernel Linux upstream 100% livre, removendo do núcleo do Linux qualquer tipo de programa que não inclui seu código-fonte correspondente, tem seu código-fonte ofuscado ou que foi publicado sob uma licença privativa.

As porções que não apresentam código-fonte são denominadas “blobs binários” e são sobretudo compostos de firmware privativo, que, ainda que em geral redistribuíveis, não oferecem ao usuário a liberdade para modificar ou estudar seus componentes.

O núcleo Linux começou a incluir blobs binários em 1996, e o esforço para removê-los começou em 2006 com as ferramentas “find-firmware” e “gen-kernel” da distribuição GNU gNewSense. Esta tarefa foi levada adiante pela distribuição BLAG em 2007 com o script “deblob”, e assim o Linux-libre nasceu.

Agora, menos de um dia após o lançamento da série Linux 5.6, o projeto GNU Linux-libre anunciou a disponibilidade geral do kernel Linux-libre 5.6.

Portanto, a versão 5.6 do Linux-libre é uma edição 100% livre do kernel Linux 5.6, disponível apenas com drivers livres e de código aberto.

Novidades do kernel GNU Linux-Libre 5.6

A versão 5.6 desse kernel livre desblobs três novos drivers que foram incluídos na série de kernel do Linux 5.6, a saber: AMD Trusted Execution Environment, ATH11K WiFi e RemoteProc Mediatek SCP Além disso, ele também limpa os drivers Nouveau, AMDGPU e AMD PSP.

Obviamente, o restante dos novos recursos implementados no kernel Linux 5.6 estão presentes na versão 5.6 do GNU Linux-Libre.

Isso inclui o suporte WireGuard interno, suporte a USB4, novo driver térmico inativo da CPU e suporte de hardware atualizado por meio de drivers novos e atualizados.

Se você procura 100% de liberdade para o seu computador pessoal, recomendo que você baixe e instale o kernel GNU Linux-Libre 5.6 no site oficial ou diretamente nos repositórios de software da sua distribuição favorita do Linux.

O que está sendo falado no blog

Categorias Arch, bodhi, CentOS, Debian, Deepin, Elementary, Fedora, Gentoo, Kali, Linux, Linux Mint, Mageia, Mandriva, Manjaro, Notícias, Open Source, OpenMandriva, openSUSE, pclinuxos, Pop!_OS, RedHat, Sabayon, Scientific, Software livre, Solus, SUSE, Tecnologia, Ubuntu, Zorin Tags , , , , , ,
Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.