Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Krita 5.1 beta lançado com melhorias no suporte a arquivos do Photoshop

E foi lançado o Krita 5.1 beta com melhorias no suporte a arquivos do Photoshop e WebP. Confira as novidades e veja como instalar no Linux.

Krita é um software de manipulação de imagens e também é uma ótima solução para a criação de arquivos de pintura digital a partir do zero ou edição de imagens existentes. O programa é um software livre, licenciado sob a GNU Public License, versão 2 ou posterior.

Ele é um estúdio de pintura digital completo e completo para artistas que querem criar trabalho profissional do início ao fim.

O aplicativo é usado por artistas de quadrinhos, ilustradores, artistas conceituais, pintores e pela indústria digital.

O Krita possui uma interface amigável e personalizável, onde você você pode escolher a cor do tema, que barras de ferramentas e janelas de encaixe que você deseja usar, e editar os atalhos de teclado.

O programa está disponível para Linux e Windows e suporta muito bem a maioria dos tablets gráficos.

Agora, a Krita Foundation anunciou a disponibilidade geral do Krita 5.1 beta.

Novidades do Krita 5.1 beta

Krita 5.1 beta lançado com melhorias no suporte a arquivos do Photoshop
Krita 5.1 beta lançado com melhorias no suporte a arquivos do Photoshop

O Krita 5.1 promete apresentar muitas novidades para artistas digitais usando este poderoso software para criar arte.

Os destaques incluem suporte para o formato de arquivo JPEG-XL, suporte aprimorado para arquivos WebP, OpenEXR, Photoshop em camadas TIFF e Photoshop, suporte para camadas de preenchimento PSD e rótulos de cores, suporte para paletas de cores ASE e ACB, bem como desempenho de pintura aprimorado através do uso de XSIMD.

Além disso, o Krita 5.1 adiciona suporte para mais operações para lidar com várias camadas selecionadas, estende as ferramentas de preenchimento com preenchimento contínuo, bem como uma nova ferramenta Incluir e Preencher, adiciona suporte para configurar controles de toque como “Toque para Desfazer” no configurações de entrada de tela, melhora o sistema de animação, adiciona suporte para controlar o recuo das camadas quando em um grupo e adiciona suporte para pintura em máscaras de seleção com modos de mesclagem.

Existem também inúmeras melhorias de usabilidade no Krita 5.1, incluindo uma nova opção Zoom-to-fit (com margens), configuração adicional para a paleta pop-up, um atalho de seleção de duas cores, a capacidade de alternar entre níveis de zoom predefinidos para suavizar zoom e muito mais.

O suporte aprimorado para dispositivos Android também está disponível na próxima versão, juntamente com melhorias nos pincéis e centenas de correções de bugs.

Para mais detalhes, verifique a página de anúncio de lançamento.

Como instalar o Krita no Linux

Em sistemas GNU/Linux, você pode experimento Krita 5.1 beta baixando o binário universal AppImage daqui, que não requer instalação (basta tornar o arquivo executável e executá-lo com um duplo clique do mouse no arquivo).

E, para instalar a versão estável do Krita no Linux, use um dos procedimentos abaixo:
Como instalar o app de desenho e pintura Krita no Linux
Como instalar o incrível Krita no Linux no Linux via Snap

Claro, você também deve ser capaz de instalar o Krita a partir dos repositórios de software estáveis ​​da sua distribuição nos próximos dias.

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.