Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

digiKam 7.7 lançado com suporte a imagem AVIF e a câmera Olympus OM-1

E foi lançado o DigiKam 7.7 com suporte a imagem AVIF e a câmera Olympus OM-1, e mais. Confira as novidades e veja como instalar no Linux.

digiKam é um software de código aberto para gerenciamento avançado de fotos digitais para Linux, Windows e Mac OS X.

O DigiKam é um aplicativo que permite importar fotos de câmeras, criar álbuns, marcar datas, temas e outras propriedades, excelentes utilitários de pesquisa e modificação de imagens em massa.

Ele possui diversas funcionalidades que permitem importar, exportar, visualizar, gerenciar, editar, melhorar, organizar, rotular, e compartilhar fotos em sistemas Linux.

Em outras palavras, com o digiKam, você pode ver, gerenciar, editar, melhorar, organizar, marcar e compartilhar fotos de maneira profissional.

Agora, o digiKam 7.7 foi lançado oficialmente trazendo várias melhorias, limpeza de código e alguns novos recursos.

Novidades do DigiKam 7.7

digiKam 7.7 lançado com suporte a imagem AVIF e a câmera Olympus OM-1
digiKam 7.7 lançado com suporte a imagem AVIF e a câmera Olympus OM-1

Chegando cerca de três meses e meio após o digiKam 7.6, o lançamento do digiKam 7.7 está aqui com suporte para o formato de codificação de vídeo aberto AOM AV1 Image File Format (AVIF), livre de royalties, que é compatível com leitura e gravação em todos os pacotes (AppImage , macOS e Windows).

Também foi aprimorado o suporte para arquivos SVG que contêm uma fonte que não está instalada no sistema, suporte para a mais recente série de sistemas operacionais Ubuntu 22.04 LTS (Jammy Jellyfish), bem como suporte aprimorado para Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver), exportação do Pinterest, Migração do Picasa 3 e exportação de arquivos PSD para o Google Fotos.

O digiKam 7.7 também parece adicionar suporte de leitura/gravação para o formato de imagem JPEG-XL em todos os pacotes suportados, embora o suporte a JPEG-XL tenha sido inicialmente introduzido na versão 7.6 do digiKam, mas houve alguns problemas no manuseio de arquivos JPEG-XL animados que são agora corrigido.

Além disso, o digiKam 7.7 adiciona um botão “Ignorar rosto” para rostos não reconhecidos na visualização de miniaturas, corrige a detecção do programa Hugin de colagem de fotos panorâmicas de código aberto e do programa de mesclagem HDR e melhora a leitura de arquivos de imagem RAW DNG do Adobe Lightroom com conversão de espaço de cores para sSRG IEC61966-2.1 e convertido para TIFF, bem como de arquivos JPEG produzidos pelo Photoshop e aceitáveis ​​para o Lightroom.

Outro recurso interessante da versão 7.7 do digiKam é o suporte para a recém-lançada câmera de lente intercambiável sem espelho Olympus OM-1, usando o sistema micro quatro terços.

A câmera digital agora deve ser reconhecida pelo digiKam (graças a uma atualização para libraw 2022-06-17), permitindo que você importe suas imagens para o aplicativo.

Outras mudanças interessantes incluem a remoção das bibliotecas internas libheif e libde265 em favor das bibliotecas do sistema, pacotes atualizados para usar o mais recente e melhor pacote de software KDE Frameworks 5.95, suporte aprimorado a arquivos DNG ao alterar a orientação da imagem para retrato, suporte aprimorado para arquivos GIF animados, bem como suporte aprimorado ao Flatpak.

É claro que também existem muitas correções de bugs e falhas, bem como várias outras alterações para tornar sua experiência de gerenciamento de fotos do digiKam mais estável e confiável.

Para saber mais sobre essa versão do DigiKam, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar o DigiKam

Você pode baixar o digiKam 7.7 agora mesmo do site oficial das plataformas Linux, macOS e Windows.

Se a sua distribuição distribuir o digiKam em seus arquivos principais, você poderá atualizar para a nova versão nos próximos dias.

E, para instalar a versão mais recente do DigiKam nas principais distribuições Linux, use esses tutoriais:
Instalando a versão mais recente do digiKam no Linux
Como instalar o editor de imagens digiKam no Linux via Flatpak

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.