Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Mais uma distro Linux tenta convencer os usuários do Windows a mudar de sistema

Primeiro foi a Canonical, e com a chegada do Freespire, Mais uma distro Linux tenta convencer os usuários do Windows a mudar de sistema e entrar no mundo do software livre e do código aberto.

Com o Windows 7 já descontinuado, faz sentido que os sistemas operacionais Linux sigam os usuários da Microsoft e, além da Canonical e de vários outros, os desenvolvedores do Freespire também tentam convencer alguns a fazer a troca.

Mais uma distro Linux tenta convencer os usuários do Windows a mudar de sistema
Mais uma distro Linux tenta convencer os usuários do Windows a mudar de sistema

A equipe lançou recentemente o Freespire 6.0 executando a área de trabalho do MATE, com a versão do KDE programada para breve.

os desenvolvedores do Freespire explicam que:

“Esta versão é a nossa solução FOSS, sem drivers binários ou codecs de multimídia incluídos e aplicativos estritamente Libre. O Freespire é lançado semestralmente e mostra o melhor que a comunidade de código aberto tem a oferecer. Nossos usuários desfrutam de uma infinidade de desktops diferentes – para esta versão, estamos lançando o desktop MATE primeiro; O KDE vem a seguir, fique de olho nisso.”

A nova versão vem com o MATE 1.20 e a versão 5.3.0-28 do kernel e inclui o navegador Chromium e o Abiword.

Mais uma distro Linux tenta convencer os usuários do Windows a mudar de sistema

A equipe do Freespire diz que esta nova versão é a escolha certa para os usuários do Windows que atualmente estão pensando em mudar para o Linux, especialmente se eles possuem computadores que podem não executar o Windows 10 sem problemas.

E esse, é exatamente o argumento do pessoal do Freesire:

“Com o Windows 7 no fim da vida, muitas pessoas têm PCs que podem não ser ótimos para o Windows 10; agora é um bom momento para migrar para uma das distribuições Linux de desktop mais reconhecidas, otimizada para esse tipo de PC.”

O Windows 7 chegou oficialmente ao fim do suporte em janeiro deste ano e agora a Microsoft recomenda que todos atualizem os dispositivos para o Windows 10.

Mas embora os requisitos de sistema dos dois sejam quase idênticos, a Microsoft também recomenda que os usuários comprem novos equipamentos para o Windows 10, especialmente pois certos recursos, como o Windows Hello, exigem hardware dedicado.

Até o momento, no entanto, as estatísticas mostram que um número significativo daqueles que usavam o Windows 7 em seus dispositivos instalaram o Windows 10, e não uma distribuição Linux.

Tudo indica que, mesmo com o apelo dos criadores das principais distribuições Linux, os usuários do Windows 7 ainda preferem continuar vivendo sob o guarda-chuva da Microsoft.

Infelizmente, só resta aguardar e ver se isso muda, a medida que estes venham a sentir as limitações do Windows 10 em hardwares antigos. Quem sabe depois de um tempo, alguns usuários venham a atender o convite da Canonical, Freespire e tantas outras distros que estão dispostas a recebê-los.

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.