Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Mir 2.5 lançado com atualizações para suportar mais teclados na tela

E foi lançado o Mir 2.5, com atualizações para suportar mais teclados na tela, correções de bugs, e mais. Confira as novidades e veja como instalar.

Mir é um servidor gráfico desenvolvido pela Canonical, posicionado como uma excelente solução para dispositivos integrados e a Internet das Coisas (IoT).

Na prática, ele é servidor gráfico para Linux que foi criado para substituir o X Window System, que ainda é usado no Ubuntu.

O Mir continua sendo procurado em projetos da Canonical e agora está posicionada como uma solução para dispositivos embarcados e a Internet das Coisas (IoT).

Ele pode ser usado como um servidor composto para o Wayland, permitindo que qualquer aplicativo baseado no Wayland (por exemplo, construído com GTK3/4, Qt5 ou SDL2) seja executado em ambientes baseados no Mir.

A camada de compatibilidade do X, XMir, é baseada no XWayland, enquanto outras partes da infraestrutura usada pelo Mir são originadas do Android. Essas partes incluem a pilha de entrada do Android e os buffers de protocolo do Google.

Atualmente, o Mir roda em uma variedade de dispositivos com Linux, incluindo desktops tradicionais, IoT e produtos integrados.

O servidor gráfico Mir permite que fabricantes de dispositivos e usuários de desktop tenham uma plataforma bem definida, eficiente, flexível e segura para seu ambiente gráfico.

Agora, a Canonical continua avançando sua pilha Mir baseada em Wayland para casos de uso de IoT e incorporados e lançou o Mir 2.5 com os recursos mais recentes, pois trabalham para fornecer melhor suporte para teclados na tela.

Novidades do Mir 2.5

Mir 2.5 lançado com atualizações para suportar mais teclados na tela
Mir 2.5 lançado com atualizações para suportar mais teclados na tela

O Mir 2.5 adiciona suporte para zwp_virtual_keyboard_v1 para permitir que mais teclados Wayland na tela funcionem com o Mir.

O teclado Squeekboard também está se beneficiando desta versão com zwp_text_input_v3 e zwp_input_method_v2 agora também suportados. Com essas adições, mais teclados na tela devem funcionar com o Mir.

O Mir 2.5 também adiciona informações de origem de eixo a eventos de ponteiro para clientes Wayland, ele não irá mais bloquear para sempre em swap_buffers, atualiza sua implementação wlr_layer_shell_unstable_v1 para a versão quatro e tem uma série de atualizações.

Também há correções de bugs em torno de possíveis travamentos, cursores ocultos GTK agora funcionam no Mir, correções de entrada e também duas correções de XWayland.

Para saber mais sobre essa versão do Mir, acesse a nota de lançamento e obter os downloads do código-fonte.

Como instalar ou atualizar o Mir

Para instalar a versão mais recente do Mir no Ubuntu e derivados, use esse tutorial:
Como instalar o servidor de exibição Mir no Ubuntu e derivados

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.