Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

OpenMandriva Lx 4.2 RC lançado com kernel 5.10.3 e KDE Plasma 5.20.4

E foi lançado o OpenMandriva Lx 4.2 RC com kernel 5.10.3, KDE Plasma 5.20.4 e mais. Confira as novidades e descubra onde baixar a distro.

OpenMandriva é uma distribuição voltada para o cenário desktop e servidor do Linux com todos os recursos, patrocinado pela OpenMandriva Association.

Essa distro foi baseado no ROSA, um projeto de distribuição Linux russo que vendeu o Mandriva Linux em 2012, incorporando muitas das ferramentas e utilitários originais do Mandriva e adicionando aprimoramentos internos.

O objetivo do OpenMandriva é facilitar a criação, aprimoramento, promoção e distribuição de software livre e de código aberto em geral, e projetos do OpenMandriva em particular.

Agora, a comunidade OpenMandriva anunciou a disponibilidade para testes públicos do primeiro RC (Release Candidate) da próxima versão de distribuição, o OpenMandriva Lx 4.2.

Com o codinome “Argônio”, o OpenMandriva Lx 4.2 é a segunda grande atualização da última série do OpenMandriva Lx 4.

Novidades do OpenMandriva Lx 4.2 RC

OpenMandriva Lx 4.2 RC lançado com kernel 5.10.3 e KDE Plasma 5.20.4
O marco do candidato a lançamento (RC) do ciclo de lançamento do OpenMandriva Lx 4.2 foi lançado. Como você devem saber, um candidato a lançamento tem potencial para ser um produto final.

OpenMandriva Lx 4.2 “Argon” entrou desenvolvido há cerca de cinco meses, e, como um ciclo de lançamento completo leva cerca de meio ano, o lançamento final deve ser lançado em breve.

Na verdade, a equipe OpenMandriva promete um lançamento final logo no início de 2021, mas por enquanto eles empurraram o Release Candidate para uma última rodada de testes.

Sim, não houve lançamento Beta publicado durante este ciclo, pois descobriu-se que sua qualidade estava próxima ao marco Release Candidate do que o Beta durante um teste interno intensivo.

O Release Candidate é fornecido com kernel Linux 5.10.3 por padrão com suporte Zstandard, bem como Mesa 20.3, X.Org Server 1.20.10, systemd 247, LLVM/Clang 11.0, GCC 10.2, GNU C Library 2.32 e Calamares 3.2. 33

Mas, além das atualizações de software, a maior mudança no próximo lançamento do OpenMandriva Lx 4.2 é o suporte total para dispositivos ARM64 (AArch64) como o Raspberry Pi e o PineBook Pro.

As imagens de instalação já estão disponíveis para Raspberry Pi 3 Modelo B+, Raspberry Pi 4 Modelo B e PineBook Pro.

No entanto, a notícia ainda melhor para os fãs do ARM64 é que as imagens de instalação também serão fornecidas para SynQuacer, CuBox Pulse e outros dispositivos genéricos compatíveis com UEFI, como a maioria das placas de servidor AArch64, e até mesmo para o telefone PinePhone Linux da PINE64.

As principais mudanças desde o 4.2 alfa são:

  • O kernel do Linux foi atualizado para a versão 5.10.3;
  • Qt foi atualizado para 5.15.2;
  • Os produtos KDE foram atualizados – Frameworks 5.77.0, Plasma Desktop 5.20.4, Applications 20.12.0;
  • O LibreOffice foi atualizado para 7.1;
  • O port para Aarch64 (processadores ARM de 64 bits) está completo e imagens instaláveis ​​estão disponíveis para o Pinebook Pro, Raspberry Pi 4B, Raspberry Pi 3B+, Synquacer, Cubox Pulse e dispositivos genéricos compatíveis com UEFI.

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento.

Baixe e experimente o OpenMandriva Lx 4.2 RC

O OpenMandriva Lx 4.2 está disponível para testes públicos agora como uma versão RC, que é uma compilação de desenvolvimento muito precoce que NÃO é recomendada para instalação em máquinas de produção. Se você encontrar algum problema ou bug, informe-os nesse endereço.

Duas imagens ISO estão disponíveis para download, para sistemas x86_64 genéricos e para computadores com CPUs AMD recentes da família Ryzen, ThreadRipper e EPYC.

Ao testar, observe também que esta versão requer pelo menos 2 GB de RAM e 10 GB de espaço livre em disco, inclusive para máquinas virtuais, e não suporta o Secure Boot.

A imagem ISO do OpenMandriva Lx 4.2 RC pode ser baixada acessando a página de download da distribuição.

Verifique se a imagem ISO está corrompida

Antes de gravar a imagem ISO que você baixou, verifique se ela está corrompida usando o tutorial abaixo:
Como verificar se uma imagem ISO está corrompida

Como gravar uma imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o download, pode usar esse tutorial do blog:

Como gravar uma imagem ISO Usando o Nautilus
Como gravar uma imagem ISO usando o Terminal
Como criar um pendrive de instalação
Como criar um pendrive inicializável com GNOME Disks
Como criar um pendrive inicializável com o Etcher no Linux

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.