Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Rússia multou o Google pelo monopólio do YouTube

Em mais um capitulo da batalha das empresas americanas no país de Putin, a Rússia multou o Google pelo monopólio do YouTube.

De acordo com um novo relatório, o regulador antitruste russo “Serviço Federal Antimonopólio” (FAS) anunciou que impôs uma multa de 2 bilhões de rublos (cerca de 235 milhões de yuans) ao Google.

De acordo com o processo, o Google tem algum tipo de monopólio com o YouTube.

Rússia multou o Google pelo monopólio do YouTube

Rússia multou o Google pelo monopólio do YouTube
Rússia multou o Google pelo monopólio do YouTube

Sim. A Rússia multou o Google pelo monopólio do YouTube. E a plataforma de vídeo do gigante das buscas atualmente domina o mercado de hospedagem de vídeo na Rússia. Todos nós sabemos que isso não acontece por acaso.

A Rússia está tentando retaliar o Google, afinal, a gigante das buscas vem acompanhando empresas ocidentais e colocando restrições aos serviços oferecidos à Rússia após a guerra com a Ucrânia.

O regulador antitruste russo quer que o Google pague uma multa de cerca de 34.771.029,07 dólares, o que equivale a mais de 2 bilhões de rublos russos.

De acordo com um regulador russo, o Google está “abusando do domínio do YouTube como principal serviço de hospedagem de vídeo”. Além disso, a FAS não forneceu mais detalhes sobre esse abuso.

No entanto, o órgão de vigilância estatal de comunicações da Rússia, o Serviço Federal de Supervisão de Comunicações, Tecnologia da Informação e Mídia de Massa, disse no mês passado que o YouTube deliberadamente espalhou desinformação.

Ele também permite a disseminação de visões extremistas e chamou as crianças para participar de protestos não autorizados.

O Google deu uma declaração muito curta sobre o caso: “Vamos estudar essa decisão cuidadosamente antes de determinar nossos próximos passos”. A FAS afirma que o Google deve pagar a multa no prazo de dois meses após a multa entrar em vigor.

Claro, este é apenas mais um passo para a Rússia fortalecer a supervisão das empresas de tecnologia americanas. Na semana passada, o Google foi multado em 21,8 bilhões de rublos por não remover conteúdo ilegal e por não corrigi-lo.

Em 2021, muito antes da guerra, um tribunal de Moscou multou o Google em US$ 98 bilhões. A razão? repetidamente falhando em remover conteúdo considerado ilegal pela Rússia.

A Rússia multou o Google várias vezes por não remover conteúdo ilegal. No entanto, as multas estão crescendo recentemente.

O gigante das buscas obviamente não é o único alvo da Rússia. O país também vem multando e processando a Apple e outras empresas sediadas nos EUA.

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.