Visual Studio Code 1.31 lançado com várias melhorias

Confira as novidades do lançamento do Visual Studio Code 1.31 e veja como instalar ou atualizar no Linux.

Foi lançado o Visual Studio Code 1.31 com várias melhorias. Confira as novidades e veja como instalar ou atualizar no Linux.


O Visual Studio Code foi criado usando uma mistura de tecnologias de código aberto e baseadas na web, como o Chromium, o Electron app framework do GitHub, e próprio editor Monaco, da Microsoft.
Visual Studio Code 1.31 lançado com várias melhorias
Visual Studio Code 1.31 lançado com várias melhorias

Ele Code oferece suporte a coloração e realce de sintaxe completa e todas as características padrão de um bom editor de código, para trabalhar com C#, C++, PHP, Java, HTML, CSS, Markdown, SASS, JSON e Python.

O Visual Studio Code é um software livre e de código aberto criado usando o Electron. Está disponível para Windows e MacOS e para distribuições Linux de 32 e 64 bits.

Novidades do Visual Studio Code 1.31

Uma nova versão do popular editor de texto do Visual Studio Code está disponível para download.

O Visual Studio Code 1.31 vem com várias ‘atualizações significativas’, segundo a Microsoft, que ajudam a tornar o editor mais fácil de usar.

Por exemplo, o VS Code não requer mais a reinicialização quando você instala uma extensão. Com isso elas não interromperam mais o fluxo de trabalho, o que consequentemente, diminuía a produtividade.

Agora quando você instala ou ativa uma extensão no código VS 1.31, ela está pronta para uso, e pronto!

Em outros lugares, ações de navegação adicionais foram adicionadas ao menu ‘Ir’, para ajudar na descoberta, enquanto o menu de contexto do explorador do botão direito seleciona um item de corte (muito atrasado).

O novo modo Screencast será muito útil ao compartilhar gravações de tela ou fazer demonstrações de recursos no VS Code.

Quando ativado, o modo de screencast realça a posição da seta do mouse na tela e usa um OSD para qualquer/todas as teclas digitadas.

Ative o Modo de Screencast no Código VS através do menu do Developer > Toggle Screencast Mode.

Outras mudanças notáveis ​​no Código VS 1.13:

  • Números de linha ocultos no modo “Zen”;
  • Usuários do Linux podem usar navegação por teclado em menus personalizados;
  • Interface de árvore retrabalhada com melhor navegação;
  • Saída de Problemas Multiline;
  • Encontrar todas as referências históricas;
  • Seleção semântica para HTML, CSS e JSON;
  • Suporte para refluxo de texto de terminal;
  • Suporte para o TypeScript 3.3.1;
  • Suporte de proxy de rede para extensões;
  • Variáveis ​​de entrada do usuário baseadas em comando;
  • Documentação atualizada da API de extensão;

Para obter uma lista completa das alterações no Visual Studio Code 1.31, incluindo informações de segundo plano e .gifs de recursos em ação, confira as notas de versão completas.

Como instalar ou atualizar o Visual Studio Code

Para instalar a versão mais recente do Visual Studio Code nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar o Visual Studio Code no Linux via Flatpak
Como instalar o Visual Studio Code no Linux manualmente e via Snap
Como instalar o Visual Studio Code no Linux usando pacotes DEB/RPM
Como instalar o Visual Studio Code no Ubuntu

O que está sendo falado no blog

Ajude a manter o Blog do Edivaldo - Faça uma doação

Se você gosta do conteúdo do Blog, você pode ajudar a manter o site simplesmente fazendo uma doação única, esporádica ou mensal, usando uma das opções abaixo:

Doação usando Paypal

Doação usando PagSeguro
Outras formas de ajudar a manter o Blog do Edivaldo



blog comments powered by Disqus