Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

WhatsApp terá transferência nativa do histórico entre Android e iOS

Alguns vazamentos indicam que o WhatsApp terá transferência nativa do histórico entre Android e iOS. Confira os detalhes dessa possibilidade.

Antigamente, mudar para um novo telefone significava que você perderia a maioria dos seus dados locais. Com o tempo, ficou mais fácil transferir seus arquivos, configurações e contatos, desde que você permanecesse no mesmo ecossistema.

Por exemplo, se você adquirir um novo telefone Android, suas conversas e mídia do WhatsApp serão restauradas automaticamente graças a um backup online do Google Drive.

No entanto, caso você decida comprar um iPhone, não há uma maneira oficial de restaurar suas conversas e mídia de seu telefone Android.

Agora, vazamentos indicam que o WhatsApp está supostamente trabalhando para corrigir essa advertência, graças a uma solução nativa para transferir automaticamente seu histórico de bate-papo entre plataformas.

Se confirmado o rumor, será um problema a menos ao trocar de plataforma.

WhatsApp terá transferência nativa do histórico entre Android e iOS

WhatsApp terá transferência nativa do histórico entre Android e iOS
WhatsApp terá transferência nativa do histórico entre Android e iOS/Source: WABetaInfo

Não é segredo que o WhatsApp está trabalhando para permitir que os usuários conversem em vários dispositivos usando o mesmo número.

Embora não esteja totalmente claro como esse recurso será implementado, faz sentido para o WhatsApp permitir o backup multiplataforma também.

Na verdade, se você usa vários dispositivos simultaneamente ou simplesmente muda de um para outro, a estrutura para acessar e sincronizar suas conversas entre os dispositivos deve ser harmonizada.

O recurso ainda não está disponível, mas novos vazamentos indicam que os usuários terão permissão para migrar seu histórico de bate-papo do iOS para o Android e vice-versa.

De acordo com a captura de tela acima, parece que o processo não será automatizado e pode ter que ser acionado manualmente para iniciar a transferência.

É essencial ter em mente que o recurso ainda não foi implementado, então ele pode funcionar de maneira diferente quando for lançado oficialmente.

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.