Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Zoom pediu desculpas e anunciou um congelamento de recursos por 90 dias

Em resposta aos problemas de segurança e privacidade de seu principal software, a Zoom pediu desculpas e anunciou um congelamento de recursos por 90 dias.

O uso do Zoom e outras ferramentas de videoconferência dispararam, graças ao Pandemia de Coronavírus, que forçou milhões a trabalharem em casa.

Zoom pediu desculpas e anunciou um congelamento de recursos por 90 dias
Zoom pediu desculpas e anunciou um congelamento de recursos por 90 dias

Zoom afirma que viu 200 milhões de usuários diários em março, contra apenas 10 milhões de usuários diários em dezembro. O enorme aumento na popularidade, consequentemente, também revelou várias falhas de segurança e privacidade da plataforma, que foi duramente criticada em diversos sites de tecnologia.

Zoom pediu desculpas e anunciou um congelamento de recursos por 90 dias

Embora o Zoom tenha corrigido a maioria dos problemas relatados, a empresa agora publicou uma carta oficial de desculpas, detalhando também como abordou os problemas.

O que deu errado?

“Reconhecemos que não atingimos as expectativas de privacidade e segurança da comunidade – e a nossa -. Por isso, pedimos desculpas!”

A Zoom Video Communications diz que a ferramenta de videoconferência “foi criada principalmente para clientes corporativos” e não esperava que todas as pessoas estivessem usando o Zoom. Portanto, a empresa não antecipou os novos desafios causados pela expansão de sua base de usuários.

O que a Zoom está fazendo?

Em primeiro lugar, a Zoom decidiu “congelar os recursos” pelos próximos 90 dias. Em outras palavras, a empresa se concentrará em encontrar e corrigir problemas de privacidade e segurança em vez de lançar novos recursos.

Fora isso, a Zoom decidiu “aprimorar” seu programa de recompensas por bugs. Ele organizará seminários on-line semanais para discutir todos os problemas que espreitam na plataforma pelos próximos 90 dias.

Além disso, a Zoom lançará um relatório de transparência “que detalha informações relacionadas a solicitações de dados, registros ou conteúdo”.

Certamente, a resposta da Zoom e as correções rápidas ajudarão o Zoom a emergir como um produto mais seguro.

Por enquanto, o recomendável é que os usuários procurem algumas alternativas de zoom.

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.