Dicas de coisas para fazer depois de instalar o Ubuntu 13.04 parte 24 – Instalando o MDM 1.2.5

O MDM é o display manager padrão do Linux Mint, ele é um fork GDM 2.20, o que significa que ele oferece suporte aos temas antigos do GDM e agora na versão 1.2.5, recebeu suporte a temas em HTML (suporta WebGL e HTML5, CSS, Javascript). Se você quer instalar ele no Ubuntu, é possível usar um PPA para instalar o MDM 1.2.5, bem como os temas MDM padrão.

mdm-htmltheme_2

Os temas padrão incluem um tema WebGL animado chamado “Clouds (WebGL)” que parece legal, mas não funciona com alguns usuários, por isso tome cuidado se você for selecionar ele. Há alguns outros temas HTML animados não-WebGL incluídos por padrão, o que você vai descobrir por si mesmo, uma vez que você instale o MDM, usando as instruções abaixo.

Instalação do MDM no Ubuntu

Importante: a instalação do MDM irá remover o GDM (e GNOME Shell, uma vez que depende do GDM). Isso porque existem alguns conflitos entre MDM e GDM. Então, se você estiver usando o GNOME Shell no Ubuntu, não instale o MDM.

Para instalar o MDM mais recente no Ubuntu, faça o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal (Usando o Dash ou pressionando as teclas CTRL+ALT+T);

Passo 2. Se ainda não tiver, adicione esse repositório digitando o seguinte comando:

sudo add-apt-repository ppa:nilarimogard/webupd8

Passo 3. Atualize o Apt digitando o comando:

sudo apt-get update

Passo 4. Agora instale o programa com o comando:

sudo apt-get install mdm ubuntu-mdm-themes

Claro, não esqueça de compartilhar com os outros leitores a sua experiência.


Entenda melhor essa história:


Quer ficar por dentro de tudo que é publicado no Blog do Edivaldo? Pois isso é muito simples!
Basta curtir nossa página no Facebook, seguir o Blog no Twitter ou no Google+.
Se preferir, você também pode assinar o feed do site ou apenas baixar o app do Blog do Edivaldo no seu Smartphone, e ficar de olho!


Teve alguma dificuldade ou sabe de alguma dica relacionada ao assunto acima?
Então escreva um comentário e ajude a melhorar esse texto.
E claro, não esqueça de compartilhar também, clicando nos botões de compartilhamento!



blog comments powered by Disqus