Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

CoreELEC 9.2.4 lançado com Kodi 18.8, suporte a ODROID-N2+ e La Frite SBC

E foi lançado o CoreELEC 9.2.4 com Kodi 18.8, suporte a ODROID-N2+ e La Frite SBC. Conheça as novidades e descubra onde baixar a distro.

CoreELEC é uma distribuição Linux “Just enough OS” baseada na tecnologia Kodi1 para hardware Amlogic popular, e um fork da comunidade da distribuição LibreELEC Linux para SBCs (single-board computers, ou computadores de placa única) construído em torno do centro de mídia Kodi de código aberto.

Por ser um fork, por que executar CoreELEC em vez de LibreELEC? Bem, porque CoreELEC se concentra principalmente em dispositivos Amlogic, enquanto LibreELEC se concentra em dispositivos x86 e Raspberry Pi.

Agora, o sistema foi atualizado para a versão 9.2.4 após vários meses em desenvolvimento. CoreELEC 9.2.4 é uma grande atualização que vem cerca de dois meses após a versão 9.2.3 com vários novos recursos e melhorias.

Novidades do CoreELEC 9.2.4

CoreELEC 9.2.4 lançado com Kodi 18.8, suporte a ODROID-N2+ e La Frite SBC
CoreELEC 9.2.4 lançado com Kodi 18.8, suporte a ODROID-N2+ e La Frite SBC

Em primeiro lugar, este lançamento apresenta novo suporte de hardware, permitindo aos usuários instalar CoreELEC em novos computadores de placa única, incluindo Libre Computer’s La Frite e ODROID-N2+, juntamente com suporte oficial para dispositivos Beelink e MINIX.

Ele também adiciona suporte para novos acessórios, incluindo o conversor digital para analógico de alta resolução ODROID HiFi-Shields e outros dispositivos I2S no computador de placa única ODROID-C4, bem como suporte para adaptadores USB baseados em RTL8156 e suporte para Amplificador de áudio analógico RT5651 usado nos conjuntos de caixa de TV Android MINIX U22X-XJ e Ugoos AM6.

O suporte para dispositivos GXL, incluindo S905X, S905D, S905W e S805X, também está presente no CoreELEC 9.2.4, através dos builds do kernel Linux 4.9 Amlogic-NG.

No entanto, este recurso é considerado experimental devido ao fato de que a equipe de desenvolvimento não pôde testar todos os vários dispositivos GXL disponíveis lá fora.

Outra novidade é o suporte DT para manipulação de controle de ventilador na caixa de TV Beelink GS King X Android com NAS, bem como suporte de dispositivo SPI para dispositivos com cabeçalhos GPIO, como a série ODROID e VIM3 de computadores de placa única.

Além das boas melhorias de hardware, o novo lançamento do CoreELEC vem com vários aprimoramentos em sua interface de usuário, que agora é alimentada pelo mais recente Kodi 18.8 open-source e centro de mídia multiplataforma, que permite ao CoreELEC transformar seu pequeno SBC em um HTPC versátil (PC com home theater).

Entre essas novas mudanças na IU, há uma nova configuração para controle básico de estacionamento/inatividade do HDD, melhorias de reprodução para alguns conteúdos H.264, a capacidade dos usuários de configurar a versão libcec para melhor compatibilidade, montagem aprimorada de dispositivos de armazenamento com nomes duplicados e notificações de atualização aprimoradas.

Sob o capô, o CoreELEC 9.2.4 melhora a inicialização e o manuseio das velocidades de clock padrão em alguns dispositivos e atualiza o software OpenVFD para controlar monitores VFD em Kodi para uma versão mais recente que funciona melhor.

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento.

Baixe e experimente o CoreELEC 9.2.4

Você pode baixar CoreELEC 9.2.4 para dispositivos ODROID-N2 +, ODROID-C2, ODROID-C4, La Frite, Le Potato e Generic Amlogic agora mesmo do site oficial. A imagem ISO do CoreELEC 9.2.4 já pode ser baixada acessando a página de download da distribuição.

Observe que há duas imagens disponíveis para AML-S905X-CC (Le Potato) SBC da Libre Computer, uma com kernel Linux 3.14 e a outra executando Linux kernel 4.9.

Verifique se a imagem ISO está corrompida

Antes de gravar a imagem ISO que você baixou, verifique se ela está corrompida usando o tutorial abaixo:
Como verificar se uma imagem ISO está corrompida

Como gravar uma imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o download, pode usar esse tutorial do blog:

Como gravar uma imagem ISO Usando o Nautilus
Como gravar uma imagem ISO usando o Terminal
Como criar um pendrive de instalação
Como criar um pendrive inicializável com GNOME Disks
Como criar um pendrive inicializável com o Etcher no Linux

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.