Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

GIMP 2.99.4 lançado com correções e novas ferramentas

Foi lançado o GIMP 2.99.4 com correções e novas ferramentas. Confira as novidades e veja como instalar ou atualizar no seu sistema.

O GIMP, ou GNU Image Manipulation Program, é um editor de imagens expansível através de plugins e distribuído gratuitamente para ser usado em tarefas como retoque de fotos, composição de imagem e criação de imagem.

GIMP é um editor de imagens bastante popular no mundo do Linux e talvez a melhor alternativa do Adobe Photoshop, porque, após tantos anos de desenvolvimento, ele alcançou grande aceitação pela comunidade.

Com isso, ele conseguiu se posicionar em um dos aplicativos de edição de imagens que podem ser encontrados em quase todos os repositórios das distribuições Linux.

Além disso, esse editor funciona em vários sistemas operacionais, e é traduzido em muitas línguas.

Mas, mesmo tendo muitos recursos, o Gimp pode ser usado como um simples programa de pintura, um programa de retoque de fotos especialista em qualidade, um sistema de processamento em lote on-line, um processador de imagem de produção em massa ou até como um conversor de formato de imagem, além de diversas outras tarefas.

Agora, os responsáveis ​​pelo desenvolvimento do GIMP anunciaram o lançamento do GIMP 2.99.4, que é uma nova versão de desenvolvimento do GIMP 3.0.

O Gimp 3.0 virá com muitos recursos novos, dos quais você tem um resumo abaixo dessas linhas, mas pessoalmente o que eles mencionam na seção “o que está por vir” chama minha atenção, especificamente que eles não vão adotar o GTK 4.0 desde o início.

Lembramos que a nova versão do GTK está disponível há pouco mais de uma semana, mas a equipe de desenvolvimento do GIMP agora está focada em outras coisas e, além disso, o GTK 3.0 ainda terá suporte por tempo mais do que suficiente para tornar a mudança segura .

Novidades do GIMP 2.99.4

GIMP 2.99.4 lançado com correções e novas ferramentas
GIMP 2.99.4 lançado com correções e novas ferramentas

O que você tem abaixo é uma lista muito resumida do que eles publicaram:

  • Correções de usabilidade em várias partes do GIMP.
  • Nova ferramenta de seleção de tinta no playground.
  • Nova geração de diálogo genérico e API de suporte de metadados para plug-ins de exportação.
  • Decodificação JPEG2000 multithread.
  • Documentação inicial sobre a migração do plugin para 3.0.
  • Correções em: Widget de deslizamento, seletor multicamadas, diálogo de dispositivos de entrada, dispositivos padrão aprimorados, e as miniaturas foram adaptadas para coreano e japonês.
  • Nova ferramenta de seleção de tinta experimental.
  • APIs foram atualizadas: Geração de diálogos para plug-ins, suporte para metadados genéricos, plugins de arquivo atualizados, configurações multi-threaded disponíveis nos plug-ins, depuração de plug-in melhorada, babl 0.1.84 e GEGL 0.4.28.

Entende-se que o projeto está focado no que eles já têm em mãos, e que o GIMP 3.0 será movido para GTK 4.0 em alguma atualização futura.

De qualquer forma, há duas atualizações a partir desta semana: a nova para macOS e a última versão beta, justamente aquela que não chegará aos aparelhos da Apple.

E por falar em computadores Apple, o GIMP 2.10.22 não suporta oficialmente o Big Sur, mas funciona.

Para saber mais sobre essa versão do GIMP, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar o GIMP

Para instalar a versão mais recente do GIMP nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar o editor de imagens GIMP no Linux via Flatpak
Como instalar a última versão do GIMP no Ubuntu e seus derivados
Como instalar a última versão do GIMP no Ubuntu e seus derivados

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.