Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Google pode ter impedido a OnePlus e LG de pré-instalar o Epic Games

Informações processuais dadas pela Epic à justiça indicam que o Google pode ter impedido a OnePlus e LG de pré-instalar o Epic Games.

Recentemente a Epic Games começou uma guerra com a Apple e o Google para não ter que pagar os 30% cobrados por essas empresas ao hospedar aplicativos na Apple App Store e Google Play Store.

A coisa chegou a um ponto em que Apple e Google, baniram o Fortnite da Epic, das suas lojas de aplicativos.

No caso da Google Play Store, a ausência do game na loja de apps pode ser contornada com uma instalação manual, mas no caso da Apple App Store, não tem jeito.

Em resposta a essa medida restritiva das duas empresas, a Epic Games lançou ações judiciais contra a Apple e o Google.

Os documentos alegam que ambas as empresas se engajam ativamente em comportamento monopolista e anticompetitivo ao gerenciar suas respectivas lojas de aplicativos.

Em ambas as listagens, a desenvolvedora do jogo Fortnite entra em grandes detalhes, mas aquela destinada ao Google inclui algumas afirmações inesperadas (via 9To5Google), como por exemplo, afirmando que o Google supostamente impediu a OnePlus e a LG de pré-instalar o app Epic Games.

Google pode ter impedido a OnePlus e LG de pré-instalar o Epic Games

Google pode ter impedido a OnePlus e LG de pré-instalar o Epic Games
Google pode ter impedido a OnePlus e LG de pré-instalar o Epic Games

De acordo com o processo, a OnePlus e a Epic Games recentemente chegaram a um acordo que faria com que a última desenvolvesse uma versão melhorada do Fortnite com uma taxa de atualização mais alta em troca da OnePlus pré-instalar o aplicativo Epic Games em seus smartphones.

O plano era pré-instalar a loja Epic Games nos smartphones OnePlus em todo o mundo, mas o Google rapidamente interveio e bloqueou o acordo. Por razões desconhecidas, porém, o Google abriu uma exceção para o mercado indiano.

De acordo com a OnePlus, o Google estava “particularmente preocupado com o fato de que o aplicativo Epic Games teria a capacidade de potencialmente instalar e atualizar vários jogos com uma instalação silenciosa, ignorando a Google Play Store”.

Táticas semelhantes também bloquearam quaisquer acordos possíveis com a LG.

A Epic Games afirma ter sido informada pela LG que “seu contrato com o Google não permitia a distribuição direta de aplicativos e que o OEM não poderia oferecer nenhuma funcionalidade que a Epic Games esperava instalar e atualizar através da Google Play Store”.

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.