Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

WINE 5.13 lançado com a correção de um bug com mais de 15 anos

O projeto Wine lançou o Wine 5.13 com a correção de um bug com mais de 15 anos e novos recursos. Confira as novidades e veja como instalar ou atualizar.

O Wine (Wine Is Not an Emulator, ou Wine não é um emulador) é um software livre e de código aberto, que tem como objetivo permitir que os aplicativos desenvolvidos para Microsoft Windows possam ser executados no Linux, Mac, FreeBSD e Solaris.

Sendo um pouco mais técnico, o Wine é uma camada de compatibilidade que traduz as chamadas do sistema Windows para o Linux e usa algumas bibliotecas do Windows, na forma de arquivos .dll.

Por conta disso, esse programa é muito importante para ex-usuários do sistema operacional Windows ou para qualquer pessoa que ainda precisa usar os aplicativos desse sistema no Linux.

O WineHQ continua a oferecer precisão suíça com seus lançamentos. E agora, lançou novamente uma versão em desenvolvimento, mais especificamente o WINE 5.13.

Novidades do Wine 5.13

WINE 5.13 lançado com a correção de um bug com mais de 15 anos
WINE 5.13 lançado com a correção de um bug com mais de 15 anos

WINE 5.13 inclui uma importante correção entre suas inovações mais notáveis. E por que uma única correção é uma das novidades mais destacadas?

Bem, porque é um bug que está presente no software há aproximadamente 15 anos, não há nada.

Para ter uma ideia da idade de um bug desse tipo no mundo Linux, o Ubuntu, uma das distribuições mais populares, lançou sua primeira versão apenas um ano antes.

A cada duas semanas, o projeto publica informações detalhadas sobre este lançamento, entre as quais temos todas as alterações que eles fizeram.

Nesse sentido, 22 bugs foram corrigidos, mas introduziram um total de 407 alterações em relação à versão anterior.

Embora existam desenvolvedores que contribuíram para muitos deles, o trabalho de Alexandre Julliard, responsável por 89, se destaca.

O que você tem abaixo é a pequena lista que o WineHQ considera a coisa mais importante que veio com o WINE 5.13.

  • Reatribuição de arquivos INI ao registro. Esta é a decisão que existe há cerca de 15 anos.
  • Sistema de chamada NTDLL thunks.
  • Reimplementação da impressão de ponto flutuante.
  • Início de uma reestruturação do suporte do console.
  • Várias correções de bugs.

A próxima versão de desenvolvimento, se não houver surpresas, algo que parece impossível de acontecer na agenda do WineHQ, chegará em 31 de julho.

Entre as melhorias, espera-se que continuem trabalhando na reestruturação do suporte do console e na correção de mais bugs.

Como instalar ou atualizar o Wine 5.13

Os usuários interessados ​​já podem instalar o WINE 5.13 a partir do código-fonte, disponível neste e neste outro endereço, ou nos binários que podem ser baixados aqui.

No link onde podemos baixar os binários, também há informações para adicionar o repositório oficial do projeto para receber esta e outras atualizações futuras assim que estiverem prontas para sistemas como Ubuntu / Debian ou Fedora, mas também para Android e macOS.

Para instalar a versão de desenvolvimento do Wine (instável), use esse tutorial:
Experimente os novos recursos do Wine mais rápido com Wine Staging no Ubuntu, Debian, Mint e Fedora

Para instalar o Wine estável, use esse tutorial:
Como instalar a versão mais recente do Wine

Para instalar a versão mais recente do Wine nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar a versão mais recente do Wine no Linux
Como instalar a versão mais recente do Wine no Ubuntu, Debian e derivados
Veja como instalar o Wine no Ubuntu 18.04 LTS ou superior e derivados

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.